A Indústria da Mídia é tema entre Instituições de Ensino

12/09/2017

Geral


UPM, UNESP, FAAC e Universidade do Porto discutem a comunicação

A partir da esq., Fred Izumi, Benedito Aguiar, Paulo Faustino, Marcelo Carbone e Marcos Nepomuceno.

O reitor da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), Benedito Guimarães Aguiar Neto, recebeu a visita de autoridades que participam do The Annual Conference of IMMAA 2017 (Internacional Media Management Academic Association), evento realizado no campus Higienópolis, e que reúne pesquisadores de vários países de estudiosos da indústria da Mídia.

Paulo Faustino, da Universidade do Porto e presidente do IMMAA, Francisco Belda, vice coordenador do Programa de Pós-Graduação em Mídia e Tecnologia da UNESP e Marcelo Carbone Carneiro, diretor da FAAC – Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho – campus de Bauru foram recebidos pelo reitor, acompanhados de dois professores do Centro de Comunicação e Letras: Fred Izumi e Marcos Nepomuceno, diretor da unidade.

O foco da conversa girou em torno do tema Inovação dentro da área de Comunicação e da criação de centros com coordenadorias que interajam entre as instituições, estreitando relacionamentos e programando intercâmbios com dupla titulação. “Considero que o tripé para o futuro da comunicação passa pela Mídia, Tecnologia e Inovação”, disse Marcelo Carbone Carneiro.

Essas parcerias também são foco das universidades de Portugal em relação ao Brasil, explica Paulo Faustino. No caso da Universidade do Porto, a internacionalização já é muito forte entre seus alunos. “Estamos empenhados há anos em fazer parcerias com vocês, podemos fazer grandes projetos. Atualmente, nas aulas que ministro em Marketing Cultural, de 30 alunos, 10 a 12 deles são brasileiros. “

Segundo Marcos Nepomuceno, a vantagem da área de comunicação é conseguir se articular em outras áreas e também ser muito forte no mercado. “Por exemplo, nosso curso de Publicidade tem 2.400 alunos, sendo que quase mil deles já fazem estágio, quer dizer, participam ativamente desse mercado de trabalho”, explica.

Para o reitor da UPM, Benedito Aguiar, “para aprofundar essas parcerias entre UPM, UNESP, FAAC, Universidade do Porto e outras instituições, o principal tema a ser tratado é a Inovação Tecnológica, ferramenta essencial para sermos competitivos” finaliza o reitor.