2006 - Daniel Silva - Educação Física

 

Inicie minha pesquisa com um tempo de antecedência de aproximadamente 4 meses.

 

O critério de escolha: por ser uma Universidade bem conceituada, uma das mais antigas na Europa.

 

Os motivos de interesse pelo País escolhido é talvez por ser o berço da história brasileira e também por ser a terra natal de meus País, e com isso sempre tive o interesse que um dia aqui estar. Fontes de Pesquisa: Na realidade, quem verificou tudo isso foram os coordenadores do Curso de Educação Física da UPM e, por fim, divulgaram, através de informativo pela faculdade, a possibilidade de estar fazendo intercâmbio.

 

Quando aqui cheguei, a forma de recepção, foi muito boa, pois as Relações Internacionais da Universidade de Coimbra já me esperavam, e mostraram-me todo o Protocolo dos Estudantes “Erasmus” (forma como são tratados os estudantes que vem de outros países), levaram- me para conhecer as dependências da Universidade e demonstraram  preocupação com o fato de eu estar alojado em algum lugar, senão eles poderiam indicar, Havia também a  opção de se conseguir um alojamento pela universidade, no Pólo II, mas isto é um pouco mais difícil, pois temos que ir até ao Serviço Social da Direção Geral e comprovar que não temos condições de pagar um lugar para ficar, assim, caso tenha vaga eles nos colocam neste alojamento, onde fica um pouco afastado do centro e da faculdade, sendo portanto, necessário utilizar transporte de ônibus.

 

Quanto às outras formas de residências, têm-se pensões, repúblicas, apartamentos, tudo dependendo muito do valor que pretende se pagar.
Estou acomodado numa pensão : Hospedaria Lorvanense – Rua da Sota, 27 – 3000-392 – Coimbra – Tel. 239 823481

 

Fica situado na Portagem, próximo à Faculdade de Educação Física, de fácil acesso à estação de trem e do comércio local. Nesta pensão, fico num quarto individual, mas também, tem quartos duplo. O lugar é bem simples, pode se utilizar a cozinha para fazer as refeições e tem uma sala para TV. Quando cheguei aqui, não tinha reservado nenhum lugar, portanto acabei me instalando nesta pensão depois de muito rodar pela cidade com malas na mão. Portanto, para quem tem interesse de vir, acho necessário que venham com algum lugar reservado. Tenho um livro que adquiri aqui em Coimbra, onde consta diversos lugares para ser alugado, desde apartamentos até repúblicas.

 

Quanto ao gasto, tenho um gasto mensal com a pensão de 135 euros, incluindo todas as despesas como água, luz e gás e também limpeza do quarto, uma vez por semana. Há lugares como repúblicas, que se pagam em média 125 euros, mas você deve se preocupar com a limpeza, e gasto com materias de limpeza.

 

Como estou morando no centro, não tenho gasto com transportes, pois faço tudo a pé, visto ser tudo próximo, mas para quem morar distante ou necessitar utilizar  transporte, terá que fazer a carteirinha de passe, onde todo mês recarrega-se com crédito de 16 euros e poderá utilizar livremente até o final do mês.(Os postos de vendas destes ficam na Praça ao lado da Ponte Santa Clara e ao lado do Mercado Municipal).

 

Quanto aos materiais didáticos, só tiro cópias das aulas, ao custo de 2 cents cada. Para quem não tem interesse em cozinhar, tem a opção de comer nas cantinas que ficam próximas à Praça da República, procurem pelas cantinas conhecidas como Azul, Amarela, Snack e Grelhados. A mais em conta é a Grelhados, onde se come por 1,35 euros (arroz, salada, batata frita e pedaços de frango), nos outros, o preço da comida é de 5 euros.

 

Quanto à curiosidade do País e dicas úteis:

Para as pessoas interessadas em fazer algumas viagens pelo País, sugiro ficar atento aos informativos que consta na Associação Académica, pois sempre tem viagens legais com preço acessível.

 

Aqui, encontramos a todos os instantes com outros Erasmus e sendo assim aprendemos muito com os hábitos de cada um, aprendemos a ver a vida de uma forma diferente, pois estamos aberto ao mundo, conhecemos particularidade de diversas nações, enfim é uma troca de conhecimento. Um fator muito importante, o conhecimento de outra língua se faz muito necessário mesmo sendo aqui em Portugal, pois têm-se muitos estrangeiros que sequer  se comunicam em português.

 

O País se encontra num período de reivindicações estudantis e “vira e mexe” estão a fazer paralisações contra o governo para uma melhora do ensino, para novos campos de trabalho, pois percebo que existe muitos profissionais formados, mas sem mercado para todos.

 

Aqui não se têm escolas privadas, o ingresso na faculdade se dá através das notas no secundário e, também, fazem uma prova para avaliar e assim dependendo da média será direcionado para tal universidade.

 

Uma data muito esperada pelos alunos são as “Queimas das Fitas”, ou seja, a festa de encerramento do ano letivo que se realiza no início de Maio, onde os quartoanistas fazem a festa, desfilam pela cidade nos carros alegóricos, todos com uniforme do Curso, cada qual de cor diferente, representando os diversos Cursos que há. Este evento dura uma semana, o cortejo como dizem, é realizado apenas um dia, onde os carros alegóricos vão distribuindo cerveja a todos os que seguem: desde familiares até os amigos, nos outros dias fazem festa num espaço reservado para este evento, chamando “Queimodromo”, onde tem shows e bebidas. É de ante mão a mais esperada por todos os estudantes. O evento acontece em outras cidades pelo país afora, mas aqui em Coimbra tem sua tradição à parte.

 

A Cidade de Coimbra é conhecida como a Cidade do Estudantes, pois dizem que nas férias a cidade fica completamente vazia, pode se perceber isso nos finais de semana, pois toda sexta-feira já se nota o movimento nas estações de estudantes indo para casa. As férias aqui começam em junho e vão até agosto, somente no início de setembro é que a cidade de Coimbra começa a receber novamente os estudantes e então volta a ter o encanto. Isso tirando o rio Mondego que corta a Cidade e que está sempre ali presente, dizem que é o rio dos poetas, pois só o conhecendo pode-se realmente ver que este é uma poesia constante.

 

Ficaria a falar muito de Coimbra, tem muitos lugares que vale a pena visitar, mas somente vindo e apreciando para aprender a gostar dela.

 

meu e-mail para contato é: daniel_edfisica@hotmail.com