2009 - André Martins Nogueira - Arquitetura

-

O México é um país incrível, cheio de cultura e vida!  Todos são extremamente amigáveis e enérgicos! Certamente foi um dos melhores anos de minha vida. Aprendi muito, ensinei bastante e cresci demais.

-

O ITESM é uma universidade enorme com grandes possibilidades. O campus de Monterrey está muito bem localizado na cidade com muita infra-estrutura ao seu arredor. A faculdade de arquitetura de lá é realmente impressionante.  A tecnologia que a universidade oferece é incrível e, os mais variados programas oferecidos nos permitem uma grande aproximação as mais diversas áreas da profissão. Existem diversas oportunidades que não estão nos sites, etc. Então me disponho desde já para conversar e ajudar a todos que querem desfrutar desta inexplicável experiência.

-

O corpo docente de lá é muito prestativo dedicado e bastante integrado. Aproximei-me muito de todos aqueles com quem tive contato e isso acrescentou muito valor a meu pessoal e profissional. Cursei quatro matérias por semestre, talleres, sostenibilidad, identidad y cultura mexicana, fiz estágio e trabalhos voluntários. Ressalto que existem os cursos catedras vitro e blanca que são cursos especiais que nunca estão no site, são incríveis, muito interessantes. Escolhi uma vida bastante intensa e não me arrependo. Porém, o sistema de estudo deles é bastante diferente do nosso e a maioria das matérias demanda uma ou duas horas extras diárias de estudo. Existem sempre entregas e discussões nas aulas seguintes relacionadas a projetos, textos, questionários etc. de uma aula para outra. Com relação ao grau de dificuldade, não tive problemas, somente bastante trabalho mesmo.

-

Anualmente, mais de 350 estudantes de intercâmbio das mais variadas carreiras e dos mais variados lugares do mundo visitam essa universidade e o programa oferecido a todos os estrangeiros é impressionante. Muita dedicação e carinho de todos eles. Organizam eventos, viagens, concursos, atividades integrativas, atividades esportivas, etc., que melhoram muito a convivência entre todos os intercambiários e nos possibilita ampliar absurdamente nossa network universal. Recomendo a todos participarem da primeira semana de integração, feita única e exclusivamente para estrangeiros. Será o primeiro contato com muitas pessoas de todos os lugares do mundo com um objetivo em comum. Será nessa semana também, que possivelmente se conhecerá muitas pessoas procurando alojamentos com quem se pode dividir. Todo bairro está voltado para o campus, existem muitas casas para alugar a um preço super justo muito próximo a universidade. Realmente, é o que vale a pena.

-

O custo de vida lá realmente é barato, aproximadamente R$600 por mês, quando comparado com o que temos em São Paulo. Desde alimentação até viagens os preços todos são mais baixos. Os ônibus são sempre as melhores opções de transporte para qualquer lado do país e todos possuem ótima qualidade. Nunca houve nenhum problema com relação a isso.

-

Quanto a questão do visto, o consulado é bastante efetivo e rápido quando se tem todos os documentos exigidos. Recebi o meu na mesma tarde da entrevista – marcada pelo site com antecedência.

-

Fui o primeiro a passar por essa experiência e como “cobaia” testemunho aqui o grande orgulho em dizer que conheci e aprendi muito da cultura mexicana: as danças, a comida, os sorrisos, a geografia, as praias, as pirâmides (incríveis!), lagos, história, monumentos, arte, música, cinema, literatura, etc. Aproveito também para agradecer muito a ACOI pelo carinho, paciência e dedicação em todo o processo – desde minha insistência na renovação da integração entre as duas universidades até agora, momento de meu retorno. Vocês foram muito prestativos e acolhedores.

-

Obrigado, mesmo.

André Nogueira